12/06/2021 07:54

Na véspera de encontro com Lula, Eduardo Paes faz elogios públicos ao ex-presidente

imagem

Diante de empresários, o prefeito do Rio, Eduardo Paes (PSD), fez diversos elogios ao ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT) nesta quarta-feira, 9, às vésperas de se encontrar com o petista. Lula tem agenda intensa no Rio a partir desta quinta, 10.

"O Lula, podem falar o que quiser, eu via a força do sujeito. Almoçando na Dinamarca, com o rei da Espanha, com a Oprah, com o faxineiro, com a Michelle Obama... Era o centro das atenções", disse durante almoço organizado pelo Grupo Lide no hotel Fairmont, zona sul do Rio.

Em seu discurso para os empresários, Paes também citou outros quadros da política brasileira e fez uma análise da conjuntura dos últimos anos. Nesta linha, elogiou o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) e o governador paulista, João Doria (PSDB). Dilma Rousseff (PT), porém, foi alvo de críticas.

Segundo ele, Dilma adotou medidas econômicas equivocadas para se reeleger, o que levou o País à crise. Ironicamente, batizou a política dela de "aquela coisa fantástica" e disse que a inexperiência de gestores públicos - lembrou também do ex-governador Luiz Fernando Pezão - fez com que o Brasil chegasse à situação em que está.

"Podem falar o que quiser do FHC ou do Lula, mas foram dois grandes líderes políticos."

Ele voltou a criticar Dilma quando mencionou o "charme" dela ao vender a imagem do Brasil durante o período dos grandes eventos. E debochou do mesmo "charme" de Jair Bolsonaro, lembrando que, agora, o Cristo Redentor apareceu de máscara na capa de revista The Economist e a imagem do País está ainda mais desgastada.

Paes brincou com o episódio envolvendo a foto de Doria tomando sol sem máscara no mesmo hotel em que ocorreu o evento desta quarta, na orla de Copacabana. Os dois têm boa relação.

"Os paulistas, quando querem fugir dos problemas de São Paulo, vêm passar o fim de semana aqui", disse Paes. "Um homem que não tem barriga não tem história, já dizia minha avó", completou, referindo-se ao porte físico de Doria.

'