22/10/2019 23:15

O voto em bloco da bancada do PSOL contra a revogação da prisão dos cinco deputados estaduais presos por ordem flagrantemente inconstitucional do TRF-2 trouxe inquietação no próprio partido. Dirigente histórico do PSOL, com assento no diretório nacional, José Luiz Fevereiro fez dura crítica aos parlamentares psolistas nas redes sociais. Após afirmar que a Alerj acertou ao decidir pelo relaxamento da prisão, José Luiz se disse constrangido: “Foi com muito constrangimento que vi a bancada do meu partido, o PSOL, votar contra a sua libertação. Inexplicável e inaceitável. Simples assim”.

Opinião - Ricardo Bruno

Ricarod Bruno

Decisão do STF trouxe apreensão na bancada do Rio

A decisão do STF de determinar que os Estados distribuam 25 % da cota dos royalties entre todos os municípios, independentemente de serem ou não produtores, trouxe apreensão aos deputados da bancada fluminense. A deliberação de hoje revelou que a tendência hegemônica na Corte é de não levar em conta a origem geográfica da produção na distribuição dos royalties. Ou seja, as razões que levaram o STF a decidir pela divisão entre todos os municípios do Estado poderão ser as mesmas a embasar a repartição entre todos os estados da federação, em julgamento previsto agora para o início de 2020.

Ricardo Bruno entrevista
 

Felipe Peixoto lidera pesquisa para prefeitura de Niterói

Pesquisa realizada pelo Instituto Paraná, em Niterói, mostra folgada liderança do ex-deputado Felipe Peixoto na disputa pela prefeitura da cidade. Com 27,3%, ele é seguido com larga diferença pelo deputado Paulo Bagueira (10,3%). Embolados no segundo lugar estão Bruno Lessa e Flávio Serafini. Num terceiro patamar, outros quatro candidatos: Comte Bittencourt (6,3%), Carlos Jordy (5,2) Chico Dangelo (4,6) e Waldeck Carneiro (4,5%)

Alerj põe fim a ato inconstitucional do TRF-2 e revoga a prisão de 5 parlamentares

Por 39 votos a 24, a Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) acaba de determinar a soltura de cinco deputados que estão presos pela Lava Jato.

WADIH DAMOUS CONCLAMA ALERJ A NÃO SE INTIMIDAR NA DEFESA DAS PRERROGATIVAS DO PARLAMENTO

O ex-presidente da OAB Wadih Damous divulgou hoje parecer em que conclama a Alerj a não se intimidar na defesa das prerrogativas do Parlamento, revogando a prisão inconstitucional dos deputados da operação Furna da Onça, decretada pelo TRF-2. Wadih apelou para que os parlamentares não hesitem diante de eventual clamor popular. “Nenhum temor ditado por impopularidade e/ou decorrente de clamores da chamada opinião pública deve intimidar a Casa Legislativa na defesa de prerrogativas que não pertencem a esse ou aquele parlamentar isoladamente, mas sim ao próprio Parlamento”.

CCJ da Alerj decide encaminhar pela revogação da prisão dos deputados

Após quatro horas de reunião, os sete deputados membros da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa do Rio anunciaram que o o projeto de resolução que será apresentado amanhã, para votação em plenário, será pela libertação dos deputados presos André Corrêa (DEM), Luiz Martins (PDT) e Marcus Vinicius Neskau (PTB).

DECISÃO DA ALERJ PODE FORTALECER O ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO

Se a Alerj decidir amanhã revogar a prisão dos deputados presos na Operação Furna da Onça, não estará os absolvendo das graves acusações que lhe são imputadas. Sem exceção, todos continuarão a responder a ação penal, cujo resultado poderá levá-los novamente à cadeia. O que estará em jogo no plenário do Parlamento Fluminense nada tem a ver com o mérito das acusações, mas sim com a flagrante ilegalidade do ato de prisão decretado pelo TRF-2 num perigoso e nefasto arroubo autoritário.

Lindbergh reafirma compromisso de apoio à candidatura de Freixo

Em nota nas redes sociais, o ex-senador Lindbergh Farias reafirmou o compromisso de apoio à candidatura de Marcelo Freixo (PSOL)) à prefeitura do Rio. A nota põe fim às especulações surgidas após postagem de foto em que ele e o ex-prefeito Eduardo Paes, provável candidato do DEM, aparecem tomando chopp num bar em Benfica. Segundo Lindbergh, ele e Eduardo Paes só concordam com a escolha do botequim.

ABEL GOMES NEGA QUE TENHA MUDADO DE ENTENDIMENTO SOBRE PRISÃO DE DEPUTADOS

Em resposta à Agenda do Poder, o desembargador Abel Gomes, relator da Lava Jato no Rio, nega que tenha mudado o tom de suas declarações em relação à prisão dos deputados estaduais na Operação Furna da Onça. Segundo a nota, o fundamento da decisão colegiada por ele relatada mantém-se íntegro”. Ainda de acordo com a nota do TRF-2, Abel Gomes apenas acatou e cumpriu ordem da Ministra Carmem Lúcia ao solicitar que a Alerj resolva sobre a prisão.

Foto de Lindbergh e Paes num botequim em Benfica irrita Freixo

Uma foto publicada há pouco nas redes sociais pode implodir a provável aliança entre o PT e o candidato do PSOL à Prefeitura do Rio, Marcelo Freixo. O registro de um encontro casual entre o senador Lindberg Farias e o ex-prefeito Eduardo Paes, hoje à tarde no Bar do Adonis, em Benfica, deu margem a especulações de que o PT poderia vir a apoiar o candidato do DEM

Últimas